Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Para Sempre TóTó

TóTó é o nome carinhoso que ele me dá. Ar calmo e sereno versus um turbilhão interior. Serei eu assim, Para Sempre.

Para Sempre TóTó

TóTó é o nome carinhoso que ele me dá. Ar calmo e sereno versus um turbilhão interior. Serei eu assim, Para Sempre.

Pré desafio de escrita dos pássaros - Perdi a cabeça e vou juntar-me à passarada

30.01.20, a tótó

No primeiro desafio não fui a tempo das inscrições, aliás, só me apercebi um pouco mais tarde quando já estavam a publicar, fui-me entusiasmando com o desafio e desta vez achei que devia participar também.

Gosto muito de escrever. Na escola primária fazer composições era a minha parte preferida dos trabalhos para casa. Inventava histórias muito engraçadas. Fui recebendo diários como presentes e escrevia todos os dias como tinha sido o meu dia. No 2.º ciclo, a escola decidiu criar um jornal escolar e para participar tivemos o desafio de escrever um texto sobre qualquer coisa. Fui uma das vencedoras do desafio e dei o nome ao jornal - Gatafunho. Lembro-me que na altura fiquei aborrecida porque não me mencionaram na origem do nome mas foi uma fase gira.
Continuei com os meus diários. As minhas paixonetas estão todas naquelas linhas. No secundário, a coisa esmoreceu. Simplesmente não conseguia escrever bem. Escrever o que era suposto bloqueava-me e cheguei mesmo a ter negativas nos testes de português. Foi um choque para mim e aborreci-me com a escrita. Mais tarde decidi que ter um blogue podia ser divertido, mas comecei mal, numa má altura e acabei por apagá-los.

Há quase 3 anos, em conversa com o J. decidi criar este espaço de lamúrias e devaneios, onde também gosto de participar em desafios, cheguei a realizar o meu desafio da escrita. E agora participar neste, é a minha cara.

 

Venha daí essa criatividade!

5 comentários

Comentar post