Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Para Sempre TóTó

TóTó é o nome carinhoso que ele me dá. Ar calmo e sereno versus um turbilhão interior. Serei eu assim, Para Sempre.

Para Sempre TóTó

TóTó é o nome carinhoso que ele me dá. Ar calmo e sereno versus um turbilhão interior. Serei eu assim, Para Sempre.

Nunca é um fim!

01.11.18, a tótó

O Nuno relembra-me duas situações em tempos diferentes, com duas pessoas de diferentes idades.

 

Há uns bons anos atrás, vejo a minha prima a correr no corredor da escola "Aconteceu qualquer coisa ao meu pai". Quando cheguei a casa, o pai dela tinha morrido. Tinha-se suicidado, devia estar nos 40 anos. Foi o meu pai que o encontrou.  Ainda hoje tenho presente o choro da mãe dela, da tristeza e pânico em que o meu pai estava naquele dia e nos seguintes.

 

Há uns anos atrás recebi um email de uma amiga a despedir-se. Foi uma loucura. Não sabiamos dela, eu e o ex namorado dela andamos toda a noite à sua procura. Falei com outra amiga dela, com o irmão dela que sendo bombeiro poderia ter mais facilidade em encontrá-la. Foi um desespero.

 

Felizmente conseguiram encontrá-la. Tinha ido de comboio para França.

 

Mais tarde, a tomar um café, ela explicou-me, tinha tomado uma série de comprimidos no comboio porque queria morrer. Tinha 25 anos. Após o sucedido, foi diagnosticada com transtorno bipolar. e devidamente acompanhada, hoje com 33 anos tem o amor da sua vida, é casada, vive em Inglaterra e é uma pessoa de sucesso na área dela, até com direito a prémios.

Histórias com fins diferentes.

 

Também eu já tive pensamentos menos bons mas estes dois exemplos estão sempre presentes na minha mente e digo para mim mesma "caramba, já que estou aqui deixa lá ver como é que isto se desenrola e até onde eu sou forte para resistir a tudo o que a vida me põe a frente."


A lua muda mas não deixa de brilhar todas as noites, afinal somos muito mais fortes do que imaginamos, ao ponto de nos surpreender a nós próprios. 

 

 

 

Texto inserido no Desafio da escrita.

Palavra do dia 28, 29, 30, 31: Lua, Café, Prémio e Amor

 

Assim termina este desafio. Próximo?

10 comentários

Comentar post