Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Para Sempre TóTó

TóTó é o nome carinhoso que ele me dá. Ar calmo e sereno versus um turbilhão interior. Serei eu assim, Para Sempre.

Para Sempre TóTó

TóTó é o nome carinhoso que ele me dá. Ar calmo e sereno versus um turbilhão interior. Serei eu assim, Para Sempre.

Desafio de escrita dos Pássaros #2.1 - Acho que a coisa não vai correr bem

31.01.20, a tótó

Mas...mas como é que eu vim aqui parar? Eu lembro-me de estar no sofá, estava a ver o filme Joy... Ok, espera, talvez tenha adormecido e isto seja só mais um sonho, sou uma fábrica de sonhos, a dormir e acordada. Foi a minha mente que me trouxe para aqui.

Olha, um pássaro! Tão giro. É de um azul tão bonito. Acho que nunca tinha visto um pássaro assim. Vou ver se consigo ver mais de perto para tirar uma fotografia.

Ai, que susto! Outro pássaro igual. Que espécie de ave será esta? Vou pesquisar no google. Oh, caramba, parece que na minha mente não há Internet. Bem, quando acordar procuro. É que são realmente muito bonitos. Talvez um dia se tiver uma moradia com jardim, possa ter um passarinho assim tão bonito.

Que barulho é este? Oh, que mancha é aquela? Não consigo ver bem, o sol está mesmo forte. Tão lindos, parecem que estão a brincar um com o outro. Este sonho é mesmo tranquilo, não tem nada a ver com os sonhos dos últimos dias, sempre a correr, sempre a fugir de algo, acordo transpirada e tudo.

Mas que raio, tanto barulho, isto não é normal. O que será? A mancha está mesmo a vir para aqui, mas não parece ser uma nuvem. Olha, vem aí outro pássaro igual, vem ter com os amiguinhos, tão fofos. Olha, outro. Outro. E outro. Ó não!! A mancha está a descer. São tantos! Wow, vêm todos para esta árvore!! Acho que a coisa não vai correr bem. Vou pôr-me mas é a mexeeeeerrrrrrrrr.

 

E assim começa a minha aventura no Desafio de escrita dos Pássaros versão 2.

28 comentários

Comentar post

Pág. 1/2