Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Para Sempre TóTó

TóTó é o nome carinhoso que ele me dá. Ar calmo e sereno versus um turbilhão interior. Serei eu assim, Para Sempre.

Para Sempre TóTó

TóTó é o nome carinhoso que ele me dá. Ar calmo e sereno versus um turbilhão interior. Serei eu assim, Para Sempre.

A partir de hoje as mulheres árabes têm direitos!

24.06.18, a tótó

É incrivel como existem ainda tantas diferenças entre culturas e como os direitos das mulheres ainda têm tanto que falar. Burkas. Mutilação genital feminina. Tantas diferenças. Mas felizmente, mesmo aos poucos, estas desigualdades contrariam-se e as mulheres passam a ser livres.

 

Hoje, à meia noite, a Árabia Saudita, passou a admitir que as mulheres possam frequentar estádios de futebol e conduzir! E não só! Foi inaugurado o primeiro cinema do país!

 

Pessoazinha de cultura ocidental como eu pensa como é possivel viver tão restritamente.

 

Ao que parece as coisas estão pretas para o lado do petróleo (quem diria) e o país tem que pensar no futuro, por isso criou um projecto de modernização do governo, o Saudi Vision 2030, cujo objectivo é obter rendimentos através do entretenimento, do turismo e da inserção internacional. Por isso a pressão internacional para a igualdade de género em contrapartida pelos ganhos económicos é um negócio bastante viável e claro, demonstra que o rei é lider e um bacano. 

 

Tenho pena que tais mudanças tenham a ver com questões políticas e económicas, que as lutas realizadas por activistas feministas desde os anos 90, não tenha sido um ponto fulcral para a inversão da situação feminina no país.

 

Mas fico feliz que se consigam inverter as situações e que as mulheres consigam ter os mesmos direitos que os homens.

 

Aproveitem senhoras árabes. Mas tenham cuidadinho na estrada. 

 

 

mulheres.jpg