Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Para Sempre TóTó

TóTó é o nome carinhoso que ele me dá. Ar calmo e sereno versus um turbilhão interior. Serei eu assim, Para Sempre.

Para Sempre TóTó

TóTó é o nome carinhoso que ele me dá. Ar calmo e sereno versus um turbilhão interior. Serei eu assim, Para Sempre.

TAG - 25 Perguntas Aleatórias

24.01.18, a tótó

A minha primeira TAG. 

 

Agradeço à Miss X - Louca Sereia por se lembrar de mim.

 

Ora então, o que temos aqui..

 

1. Sais de casa sem...?

Vontade, especialmente em dias de chuva e frio.

 

2. Qual é a tua marca de maquilhagem preferida?

Não é que use maquilhagem diariamente, mas tenho coisas da Yves Rocher e Maybelline.

 

3. Qual é a tua flor preferida?

Orquideas.

 

4. Qual é a tua loja de roupa favorita?

Neste momento tem que ser a Modalfa ou Lefties.

  

5. Saltos altos ou baixos?

Baixos.

 

6. Qual é a tua cor favorita?

Bourdeaux.

 

7. Qual é a tua bebida preferida?

Chá.

 

8. Qual é o teu hidratante favorito?

Nivea. Adoro Nivea.

 

9. Pretendes casar? 

Já me sinto casada, o papel assinado não tem relevância para mim.

 

10. Irritas-te facilmente? 

Sim, mas estou a mudar isso.

 

11. Róis as unhas? 

A minha esteticista olha-me sempre com um ar aterrador quando lá vou de 3 em 3 semanas.

 

12. Já desmaiaste? 

No limite, mas não cheguei a cair redonda.

 

13. Onde estavas há 3 horas atrás?

A caminho de casa.

 

14. Estás apaixonada? 

Muito.

 

15. Qual foi a última vez que foste ao shopping?

 Há dois fins de semana atrás.

 

16. Assististe algum filme nos últimos 5 dias?

Estou a assistir a um (devia estar a estudar) no Foxlife - Joy.

 

17. Como estás vestida agora?

Pijama com uma Rena na camisola, roupão com flores, corujas,corações e piroseiras, meias cor de rosa.

 

18. Qual foi o último alimento que comeste?

Gelatina?

 

19. Qual é o teu animal favorito?

Cães gigantes.

 

20. Como seriam as tuas férias de sonho?

Férias...Para Sempre 

 

21. Quais são os planos para hoje à noite?

Arranjar coragem para terminar um trabalho individual do mestrado.

 

22. O que estás a ouvir agora? 

O som estúpido que o meu computador faz e a publicidade na TV.

 

23. Colecionas alguma coisa? 

Talões de compras em cima do microondas (vergonha)

 

24. Comes fastfood?

Sim, de vez em quando.

 

Desafio então:

Wonder WomanHome Sweet HomeA Hipster Chique

 

Sobre ontem.

20.01.18, a tótó

O meu post de ontem sobre Lisboa trata-se da minha perpectiva da cidade, de alguém que vem de fora e que entra na cidade em trabalho, onde tem que deslocar-se e organizar-se de forma a que o seu trabalho corra o melhor possivel, sem afectar quem lá vive. Foi simplesmente um texto a pensar em mim e em pessoas que todos os dias enfrentam o mesmo que eu e fazem o mesmo que eu. É apenas uma opinião minha, não quis fazer anti marketing, nem levar as pessoas a odiar a cidade, não tenham receio pois não sou assim tão influente.

 

Acho muito bem que os turistas venham, que os estrangeiros comprem, que se faça dinheiro com o turismo, com o imobiliário, que se limpe a cara à cidade, mas não se esqueçam das pessoas que lá vivem, da história que as casas têm, do que o Marquês de Pombal fez em prol da segurança das pessoas. 

 

Não se esqueçam também de quem mora fora da cidade, de onde vem a carne que estão nos talhos, os legumes, hortaliças e frutas das bancadas do mercado, o leite no pacote, os queijinhos com presunto, o vinho caro, os cereais que comem ao pequeno almoço.

 

Não se esqueçam também que o médico que vos atende nas urgências do hospital, aquele que vos serve o café todos os dias, que vos leva o lixo fora da porta, que vos ensinou a ler e a escrever, pode ter vindo da provincia. Conheço tantas pessoas que o fizeram e outras tantas que sairam da cidade.

 

Dá-se muito brilho a coisas menos importantes e pouco às que realmente importam.

 

Obrigada a quem percebeu o meu texto, fico sinceramente feliz.

 

Por curiosidade mostro-vos um mapa  que representa a densidade populacional do nosso país.

 

 

densipopulacional.jpg

 

 

 Não é claustrofóbico?