Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Para Sempre TóTó

TóTó é o nome carinhoso que ele me dá. Ar calmo e sereno versus um turbilhão interior. Serei eu assim, Para Sempre.

Para Sempre TóTó

TóTó é o nome carinhoso que ele me dá. Ar calmo e sereno versus um turbilhão interior. Serei eu assim, Para Sempre.

Infelizmente as lágrimas não apagam fogos!

Ontem escrevia aqui sobre o tempo tropical que se tem sentido neste final de semana, a trovoada repentina, aparecendo do nada e que se ia aproximando aqui da terra, em festa, com tudo ao ar livre. Disse para mim " Tanto trabalho, tanto esforço, tantas pessoas envolvidas e cheias de motivação, felizes pelo sucesso que está a ser e agora, acaba-se tudo?". Felizmente passou ao lado mas o que eu não sabia era que em Pedrógão Grande a trovoada também por lá tinha passado e deixou o seu mau humor. Natureza zangada decidiu atear fogo onde há poucos anos passei umas maravilhosas férias e onde o acontecimento menos bom que tive, foi uma vespa ter-me picado à beira da piscina. Sou tão egoísta.

 

A Sara, fotógrafa de serviço da festa, grande profissional, manteve-se firme até ao fim mas o seu coração estava em Pedrógão Grande. Nada sabia da sua família. Foi assim que eu soube da tragédia. Às 4 horas da madrugada eram 29. Às 11.30h já eram 54. Às 13.30h, 61.  Às 23 horas as notícias diziam que havia mais um.

 

A Sara chora.

 

Que tragédia. Que aflição. 

 

Hoje a tarde os nossos bombeiros partiram para ajudar, levaram bens alimentares e muita força para enfrentar um cenário infernal e que desejamos muito que voltem todos depressa e a salvo.

 

Sou tão egoísta quando penso em tantas coisas fúteis e invento tantas preocupações inúteis quando na verdade, de repente, tudo muda e resta-nos tudo o que realmente importa: um abraço forte, amor, paz, saúde, solidariedade, humildade, honestidade...

 

Um grande abraço de força e de coragem para todos os que estão a sofrer com este incêndio e a todos os bombeiros que partem, que deixam o conforto de casa, o aconchego da familia para salvar e ajudar outros.

 

Aos políticos e todas as entidades e responsáveis pela área florestal, proteção civil e afins, por favor, façam algo para evitar mais cenários destes, não deixem ficar tudo no papel.

Mas façam mesmo, não sejam mais egoístas do que eu.

 

de luto por Pedrógão Grande

                               ❤ 

2 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Blogs Portugal

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D